QUALIDADES EXEMPLARES DE OBREIROS DE CRISTO – Reunião de Obreiro – 03/07/2022 – Pr. João Luiz de Amorim

QUALIDADES EXEMPLARES DE OBREIROS DE CRISTO

Procura apresentar- te a Deus, aprovado, como obreiro que não tem do que se envergonhar, que maneja bem a palavra de verdade. (2 Tm 2.15)

Esboço:

1) O obreiro deve agir como soldado também como um atleta
2) Obreiros precisa dar testemunho a todos perante Deus, para que evitem contendas de palavras, que para nada aproveitam, exceto para a perversão dos ouvintes (v. 14).
3) O obreiro age com sabedoria e mansidão
4) O obreiro é convertido
5) É submisso
6) É obediente
7) O obreiro aprovado é ético: tranquilo, sensível, equilibrado e humilde, veja o testemunho de João Batista: “Importa que Ele cresça e eu diminua mais e mais” (Jo 3.30). Todos os obreiros sejam unidos na Obra de Deus.

E ele mesmo deu uns para apóstolos, e outros para profetas, e outros para evangelistas, e outros para pastores e doutores, (Ef 4.11).
Deus deu um cargo conforme a capacidade de cada um, para fazer a sua obra.

A) “Sê o EXEMPLO dos fiéis, na palavra, no trato, no amor, no espírito, na fé, na pureza”. (I Tm 4.12b), essas são as boas qualidades de um bom Obreiro.

B) O obreiro é EXEMPLO na contribuição.
O bom obreiro deve ser dizimista, ofertante fiel na Obra de Deus,
(Ml 3.10) Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim nisto, diz o SENHOR dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós uma bênção tal até que não haja lugar suficiente para a recolherdes e (Sl 101.6) Os meus olhos estarão sobre os fiéis da terra, para que se assentem comigo; o que anda num
caminho reto, esse me servirá.

C) O obreiro é EXEMPLO na leitura diária da Palavra e oração a Ele.
O bom obreiro se dedica diariamente na leitura da Palavra de Deus e nas orações. (Sl 1.2) Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite e (I Ts 5.17) Orai sem cessar.
Podemos sempre estar conectados em oração vigilante com Deus, mesmos nos momentos que não podemos estar ajoelhados.

D) O obreiro é EXEMPLO na submissão as lideranças.
O bom obreiro deve respeitar e defender a liderança da Igreja de Cristo, não falar mal do pastor e nem de outro obreiro ou irmãos, ele ora por eles e não critica. (Sl 101.5a) Aquele que murmura do seu próximo às escondidas, eu o destruirei. Não se envolve com murmuração (fofocas) e panelinhas. (II Tm 2.23) E rejeita as questões loucas, e sem instrução, sabendo que produzem contendas.

E) O obreiro é EXEMPLO é submisso às diretrizes da Igreja
O bom obreiro se compromete a ser fiel a liderança pastoral, as doutrinas bíblicas e as diretrizes da Igreja (normas estatutárias da Igreja), (Hb 13.17) Lembrai-vos dos vossos pastores, que vos falaram a palavra de Deus, a fé dos quais imitai, atentando para a sua maneira de viver.

F) O obreiro é EXEMPLO é luz lá fora na escuridão do mundo de pecado.
O bom obreiro dá bom testemunho de cristão dentro e fora da igreja. (At 1.8) Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra.
Paga todas as suas contas, não tem o nome registrado no SPC, Serasa e tem ficha limpa no Cartório e no Fórum do município.
Não fica cortando volta dos credores, mas sim quando uma situação foge do controle, comunica o credor e faz um acordo e com certeza ele irá aceitar, O obreiro exemplar deve zelar pelo seu bom testemunho.

G) Três procedimentos EXEMPLAR que o obreiro devem praticar sempre:

1.Oração e vigilância diaria
2.Leitura da Bíblia
3.Consagração e jejum

H) O obreiro é EXEMPLO de constância e prontidão para servir.
O bom obreiro sempre justifica a sua ausência por motivos que realmente são justificáveis, exemplos; trabalho, enfermidades e viagem e etc., ele deve nunca ficar querendo JUSTIFICAR o INJUSTIFICAVEL.
(I CO 15.58) Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor.
O obreiro deve estar sempre pronto para servir a Igreja naquilo que foi designado pelo seu líder, com certeza o trabalho do bom obreiro nunca será em vão, haverá recompensa pelo Senhor Jesus.

Conclusão:

Que possamos olhar para o nosso MESTRE JESUS e servi-lo com toda dedicação e obediência a sua Palavra. Porque ELE fez tudo àquilo que ninguém poderia fazer por nós.

 

Pastor João Luiz de Amorim
03.07.2022

Compartilhe nosso conteúdo nas redes sociais

Compartilhe com facebook
Compartilhe com whatsapp
Compartilhe com telegram
Compartilhe com email
Compartilhe com skype
Compartilhe com print